No Ceará, 92% das cidades registram casos de dengue

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

No Ceará, 92% dos 184 municípios tiveram casos de dengue em 2015. Em 75 cidades, a doença chegou a um nível epidêmico, segundo boletim divulgado nesta sexta-feira (27) pela Secretaria da Saúde do Estado. A Organização Mundial da Saúde considera escala epidêmica quando há 300 ou mais casos da doença para cada 100 mil habitantes.

Até esta sexta-feira, o Ceará tem 53,396 casos confirmados de dengue, o segundo maior número desde que início dos registros, na década de 1980. O recorde é 2011, com 56.818 casos, segundo a Secretaria da Saúde.
Neste ano também foram registradas 63 mortes em consequência da doença, o maior número de óbitos por dengue.
As cidades com nível epidêmico de dengue são Alcântaras, Aracoiaba, Aracati, Aquiraz, Arneiroz, Barbalha, Barro, Barroquinha, Beberibe, Brejo Santo, Boa Viagem, Canindé, Capistrano, Catarina, Caucaia, Coreaú, Crato, Crateús, Eusébio, Farias Brito, Frecheirinha, Fortaleza, Guaraciaba do Norte, Hidrolândia, Horizonte, Iguatu, Ipaumirim, Ipu, Ipueiras, Itaitinga, Itapiúna, Itapipoca, Jaguaribara, Jati, Jardim, Jucás, Limoeiro do Norte, Maracanaú, Maranguape, Mauriti, Meruoca, Miraíma, Milagres, Milhã, Mombaça, Mucambo, Nova Russas, Novo Oriente, Ocara, Palmácia, Palhano, Paracuru, Pacoti, Pentecoste, Piquet Carneiro, Pires Ferreira, Poranga, Porteiras, Quixeré, Reriutaba, Russas, São Gonçalo do Amarante, Santana do Cariri, São Luis do Curu, Sobral, Tabuleiro do Norte, Tamboril, Tianguá, Tauá, Trairi, Tururu, Umari, Umirim, Varjota e Várzea Alegre. Fonte: G1

0 comments

Postar um comentário

ESCREVA AQUI SEU COMENTÁRIO