Secretária de Educação do Município de Tianguá tem direitos políticos suspensos

sexta-feira, 25 de julho de 2014

valdeida
O juiz Daniel Carvalho Carneiro, integrante do Grupo de Auxílio do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), decidiu suspender os direitos políticos pelo período de três anos da ex-gestora do Fundo de Manutenção e Valorização do Magistério do Município de Tianguá, Valdeída de Sá Vasconcelos, por contratar sem licitação, durante o ano de 2004. Ela deverá pagar multa de R$ 20 mil e perderá cargo ou função pública, caso ainda exerça. Atualmente ela exerce o cargo de Secretária de Educação daquele município.

Segundo os autos do processo, o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) julgou desfavoráveis as contas da ex-gestora referente ao exercício de 2004. Entre as irregularidades foram registradas ausências de licitação para contratar diversas despesas com peças automotivas e com obras públicas, totalizando R$ 250.389,34.O Ministério Público ingressou em agosto de 2010 com uma ação civil pública pedindo a condenação de Valdeída, por ato de improbidade administrativa. A mesma não apresentou contestação sendo decretada a revelia.
Fonte: Ceara Agora

0 comments

Postar um comentário

ESCREVA AQUI SEU COMENTÁRIO