Em 2014, 100% dos proprietários de veículos no Ceará pagarão menos pelo IPVA

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Em 2014, 100% dos proprietários de veículos no Ceará pagarão menos pelo IPVA (Imposto sobre a Circulação de Veículos Automotores). A redução média, com relação a 2013, no entanto, será de 10,92%, a menor do País divulgada até agora por outros estados. De acordo com o secretário João Marcos Maia, a redução do IPVA decorre da política de redução gradual da carga tributária no Estado, bem como da alteração no conceito de alguns modelos. 
No ano que vem, 1.873.568 veículos serão tributados, com uma previsão de arrecadação de R$ 606 milhões. "Em 2014 não teremos mais nenhum veículo na base da Sefaz, cujo valor venal não esteja abaixo do valor de mercado", frisou o Secretário. O maior IPVA a ser pago no estado em 2014 será R$ 23.080,63, de uma Ferrari 2010. O proprietário de uma motocicleta 1999 pagará o menor imposto, R$ 14,72.
O prazo de recolhimento para quem optar pelo pagamento em cota única, usufruindo do desconto de 5% no tributo, será até o dia 31 de janeiro. Quem parcelar o desembolso - sem nenhum abatimento especial - deverá pagar as parcelas, que não podem ser inferiores a R$ 50,00, nos dias 14 de fevereiro, 14 de março, 14 de abril e 14 de maio de 2014, em prestações iguais. Como em 2013, o IPVA 2014 poderá ser pago nos cartões de crédito vinculados ao Banco do Brasil ou Bradesco.
Para chegar aos valores constantes nas tabelas do IPVA para 2014, o governo considerou a tabela divulgada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), que expressa os preços médios de mercado dos veículos, efetivamente praticados por Estado, e consulta ao Sindivel (Sindicato dos Revendedores de Veículos Automotores do Ceará). 
Depois do dia 15 de janeiro de 2014, 49% dos contribuintes receberão os boletos através dos Correios, enquanto os outros 61% deverão imprimí-los no site da Sefaz, a partir de 2 de janeiro. A rede arrecadadora do IPVA inclui o Banco do Brasil, a Caixa Econômica, o BNB, Bradesco, casas lotéricas e Farmácias Pague Menos.
Outras informações:
Assessoria de Comunicação da Sefaz

0 comments

Postar um comentário

ESCREVA AQUI SEU COMENTÁRIO